Notícias — 15 maio 2018

paraibaradioblog

O Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público da Paraíba desencadeou uma operação nesta terça-feira (15) em conjunto com o Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE) e a Delegacia Combate ao Crime Organizado. A ação tem como base as informações obtidas através de dois procedimentos investigatórios (PIC). Ao todo, 15 pessoas foram denunciadas ao juízo de direito da comarca do Conde, na Região Metropolitana de João Pessoa. Estão sendo cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e um de prisão preventiva, em Operação denominada de “DDT”.

Segundo a investigação, empresários, já denunciados pelo órgão do Ministério Público, na Operação Papel Timbrado por pertinência à organização criminosa, em conluiou com a ex-Prefeita do Conde, Tatiana Lundgren, e diversos servidores de sua administração (Secretários, membros de Comissão Permanente de Licitação, Controladora Interna do Município, Procurador, dentre outros) fraudaram procedimento licitatório (Convite nº 080/13) e contribuíram para o desvio e a apropriação dos recursos públicos dele provenientes, causando um prejuízo de mais de R$ 50 mil aos cofres públicos, destaca reportagem do Blog do Suetoni.

A operação é um desdobramento da delação premiada do ex-procurador do Município, Francisco Cavalcante Gomes. Ele foi preso com Tatiana Correia em março deste ano. Os mandados de busca e de prisão, além de outras medidas cautelares pessoais e patrimoniais ajuizadas pelos promotores do Gaeco, foram direcionados a um empresário (integrante de Núcleo de Empresarial já denunciado pelo órgão ministerial, no contexto de fraudes licitatórias) e a outros servidores e ex-servidores públicos da Prefeitura do Conde.

Pelos fatos praticados, os 15 envolvidos na trama, de acordo com suas responsabilidades, irão responder por fraudes em licitações, apropriação de bens ou rendas públicas em proveito próprio, omissão em relação a crimes continuados, crime ambiental referentes à destinação inadequada dos resíduos no município, além de outros crimes previstos no Código Penal.

Com Paraíba Rádio Blog

Aconteceu tá no Folha

Artigos relacionados

Compartilhe

About Author

admin

(0) Ler respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*