Destaques Notícias — 17 dezembro 2018
Presidente da AMASP e recém-eleito em nova diretoria da FAMUP traça perfil e destaca que futuro governador é suscetível ao diálogo. Áudio!

Para o presidente da AMASP e recém-eleito 3º vice-presidente da FAMUP o prefeito de Bom Jesus Dr. Roberto Bayma (PSD), o futuro governador da Paraíba João Azevedo deverá ter um olhar diferenciado, não apenas para com os municípios onde o mesmo não foi apoiado pelo prefeito, mas, também no que se refere na relação entres outros poderes.

Em declarações prestadas ao Jornal da Manhã da Rádio Oeste-AM desta segunda-feira 17, ao ser perguntado sobre as expectativas em torno de relação institucional entre ambos, Bayma não poupou elogios à pessoa de Azevedo e disse: “Eu tenho visto na figura do Dr. João Azevedo um cara mais suscetível ao diálogo”.

O prefeito que ainda ocupa uma cadeira na direção nacional da CNM destacou, por exemplo, o fato de Ricardo Coutinho ao longo desses 8 anos, ter participado antes da posse de reuniões com a bancada para garantir recursos para nosso estado. Enquanto isso lembra o mesmo, João Azevedo esteve se reunindo com deputados e senadores para garantir investimentos para a paraíba.

Em seu segundo mandato, Bayma tem ganhado destaque em nível nacional, pela forma como tem tratado as causas municipalistas. Para se ter uma ideia de como seu nome tem uma grande repercussão, poucas pessoas sabem, mas pela primeira vez um prefeito de daquela pequena cidade teve seu nome cogitado para presidir uma entidade tão importante como a Federação dos Municípios Paraibanos e detalhe: Para enfrentar uma espécie de dinastia que durante décadas esteve sobre as bênçãos do ex-prefeito e atual deputado Buba Germano. Segundo informações apesar da “onda” em favor de Roberto, o fato dele já presidir a AMASP e ter assento na diretoria do CNM, pode ter sido determinante para que o gestor não aceitasse entrar na disputa, preferindo indicar o nome do prefeito da cidade sobrado George Coelho (PSB). A posse de acordo com o que fomos informados deverá acontecer no próximo dia 05 de Janeiro.

A trajetória política de Roberto Barbosa Bandeira de Melo (Roberto Bayma) foi forjada justamente batendo de frente com um grupo já arraigado no alto sertão paraibano. Ao enfrentar a família Brito que por mais de 30 anos administrou a pequenina cidade de Bom Jesus e com a primeira vitória em 2012 iniciou-se dai em diante uma nova fase do município, que antes era apenas conhecido nas páginas de jornais em face dos inúmeros escândalos praticados por alguns ex-gestores.

ÁUDIO

Redação: Jotha Herre

Áudio: Rádio Oeste

Fotos: internet

Aconteceu tá no Folha

Artigos relacionados

Compartilhe

About Author

admin

(0) Ler respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*


Warning: preg_replace(): The /e modifier is no longer supported, use preg_replace_callback instead in /home/storage/0/05/7d/site1386850371/public_html/wp-content/themes/LondonLive/footer.php on line 1